Quarta-feira, 19 de Julho de 2017

Parvalheira, demagogia e esquizofrenia politiqueira

Se os políticos, os amigos dos políticos e os militares roubam e enganam por que não podem os ciganos fazer umas pequenas ciganices?

Claro que o Primeiro-Ministro sem cara ou de cara deslavada pode fazer a demagogia que entender que os seus pares aparvalhados à Direita e à Esquerda o aplaudirão sem se importarem do mal que a sua insensatez causa.

É o país do vale tudo, enquanto Moscovice gabar os tolos e a União Europeia não exigir a devolução do roubo dos milhões que fazem aumentar o défice e que estão nos bolsos de gente conhecida.

Ciganos e políticos não têm comparação. A honestidade dos primeiros é de longe superior à dos segundos.

Ao não quererem que o André Ventura denuncie uma situação conhecida em Loures, mas em todo o país, a canalha exploradora, mais uma vez pretende desviar as atenções para aquilo que acontece desde há 43 anos.

Para eles é mais benéfico incinerar três Secretários de Estado por terem aceitado uma ou duas viagens a Paris porque é suborno e faz esquecer os grandes roubos.

André Ventura teve a coragem de chamar os bois pelos nomes.

A ladroagem e a esquizofrenia política ganiram imediatamente.

Racismo e Xenofobia são motes para afundar adversários. Só que os portugueses não são racistas nem sabem o que é a xenofobia.

O tiro sai pela culatra dos benfeitores.

Só os surdos mentais não ouvem Portugal. Ninguém está contra os ciganos, mas todos estão contra a algazarra politiqueira que tem aqui um motivo para tapar erros e fazer demagogia.

A igualdade social é justa. A parvoíce é enganosa e só descredibiliza o país.

Depois do manicómio em autogestão como era, por toda a Europa, apelidado Portugal em 1974 e 1975, agora em 2017 pouco faltará para ser chamado de paraíso da demagogia política, do roubo e da mais refinada e encapotada corrupção.

 

Anterior “António Costa se tivesse…coragem metia o PC e o BE”

C.S

publicado por regalias às 02:26
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 11 de Julho de 2017

António Costa se tivesse…coragem metia o PC e o BE

Nesta remodelação Ministerial, o Costa tem aqui oportunidade de mostrar que o Partido Comunista e o Bloco de Esquerda não são meros elementos decorativos. É tempo de pôr à prova o saber, a verdade e a honestidade.

No BE há uma rapariga que me parece competente, inteligente e não dada a demagogias. A Mariana Mortágua. Têm ainda o Francisco Louçã.

No PC lembro Octávio Teixeira, Carlos Carvalhas, Bernardino Soares.

Desde que as abas instáveis do PS garantam gente de alto gabarito, há que aproveitá-las.

Carlos Rates, primeiro Secretário-Geral do PCP, foi um homem de génio. Mais tarde entrou para a União Nacional, coisa que os comunistas não aceitaram, nem o seu sucessor Bento Gonçalves, que morreu no Tarrafal por teimosia e doença, pois fazia tudo quanto queria; só que largar o Tarrafal tendo de assinar um papel em que abdicava das lutas não fez.

Edmundo Pedro ao tentar fugir do Tarrafal foi expulso do PCP.

Carlos Rates foi um Sindicalista de primeira água, consta que Salazar aproveitou muitas da suas sugestões no desenvolvimento e beneficio para os trabalhadores durante o Estado Novo. Muitos dos magníficos bairros sociais tinham um número grande de sindicalistas que ao pagarem rendas mais baixas do que as do mercado, ficavam com direito a se tornarem proprietários das casas ao fim de 30 anos.

Julgo que é tempo de os comunistas mostrarem mais inteligência que voluntarismo. Se tiverem gente para ocupar um ou dois lugares em aberto, pela saída dos Secretários de Estado, por que não fazê-lo, se já estão ligados ao PS pelas franjas?

Com o Bloco sucede o mesmo.

Tem aqui o Costa o repto: dê possibilidade ao BE e ao PC para mostrarem o que valem a favor de Portugal.

 

Anterior “A ignorância dos rafeiros paga-se caro”

C.S

publicado por regalias às 06:11
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 10 de Julho de 2017

A ignorância dos rafeiros paga-se caro

Mentindo, mentindo sempre, os comunas, mesmo perante factos bem documentados e por todos conhecidos, negam-nos insistentemente.

A maioria dos comunas vive mal, os que ainda esbracejam dizem todas as parvoíces que lhes meteram no pequeno cérebro. São uns desgraçados.

Eles ainda pensam que Salazar foi o culpado da fome que grassou durante a Primeira República, 1910-1926 e depois durante a Ditadura Militar que lhe sucedeu pela Revolução do 28 de Maio de 1926, encabeçada pelo General Gomes da Costa.

Incapazes de resolver o problema, com centenas de milhares de famintos e sem dinheiro, passados dois anos chamaram para Ministro das Finanças o Professor Oliveira Salazar que, através de uma extraordinária política económica e de incentivo ao trabalho, conseguiu, em poucos anos, atenuar as dificuldades do País, resolver o problema da fome e desenvolver Portugal como esta terceira República ainda não conseguiu fazer apesar da pesada Herança, que o comunista Vasco Gonçalves desbaratou e dos biliões de Euros que foram recebidos da União Europeia, gastos em alguns benefícios, mas nunca correspondentes ao dinheiro que foi aceite.

Portugal não estaria endividado até aos cabelos, nem teria hoje dois milhões e seiscentos mil pobres se os milhões gastos e roubados tivessem sido aplicados a favor do povo que trabalha e recebe a miséria de 675 euros por mês.

Mas ainda há rafeiros falantes que acham bem. O culpado foi Salazar que deixou o País rico e ele morreu pobre.

Santa ignorância! Em vez de serem contra os verdadeiros trabalhadores, ao falar do que não sabem, por que não estudam, não leem, não se informam?!

 

Anterior “Portugal transformou-se num covil de ladrões”

C.S

publicado por regalias às 07:43
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 9 de Julho de 2017

Portugal transformou-se num covil de ladrões

Desde os Governos comunistas de Vasco Gonçalves, 1974-1975, os políticos aproveitaram-se da ignorância para se encherem de dinheiro.

Basta fazer uma revisão aos acontecimentos a partir do 25 de Abril de 1974 para se ter a certeza de que os milhões desviados por políticos, amigos, militares e ladrões ultrapassa a dívida do país.

Tudo começa com Vasco Gonçalves, Cunhal e Melo Antunes.

A infiltração em todos os serviços de Estado, com especial incidência nas Forças Armadas foram os seus grandes objetivos, frustrados, em parte, porque Jaime Neves os impediu de tomar conta de Portugal.

Melo Antunes, sabendo que nunca venceria o seu camarada de armas, convenceu Cunhal a travar a cintura industrial de Lisboa e faz sair o Documento dos 9 para impedir a ilegalização do PC.

Ramalho Eanes declara, com todas as letras que, se o 25 de Novembro de 1975 tem falhado, ele seria fuzilado.

Os roubos Comunistas continuaram. Foi a liberdade apregoada por Cunhal. A liberdade para roubar, destruir empresas e meter paus na engrenagem para encabeçar mais golpes à Palma Inácio.

Há dias o General Frutuoso Pires Mateus sintetizou em poucas linhas, as condições de segurança dos paióis de Tancos “com uma caserna e uma área de alimentação para 30 militares em permanência. Cada paiol tinha um portão com uma chave própria e código de entrada.”

Era a segurança máxima. Só os graduados sabiam as regras.

A algazarra feita a propósito da exoneração temporária dos comandantes das 5 Unidades, com responsabilidade na vigilância da área é fumo.

O importante é encontrar os autores do assalto e o material roubado. Mas isso é o que menos lhes interessa. No roubo estão envolvidos militares.

Se o material não for rapidamente recuperado e parte dele seja utilizado na Europa, com centenas ou milhares de inocentes mortos, Portugal pagará bem mais caro do que pelo assalto e destruição da Embaixada de Espanha pela UDP com a proteção dos militares do Partido Comunista, durante o PREC.

Ladrões, corruptos, charlatães, oportunistas e assassinos das FP 25 amnistiados por Soares, são herança de Cunhal e Soares.

Dizer o contrário é esconder a verdade até Portugal desaparecer no meio do riso patético de todos os cretinos que Governaram e cederam, por interesse próprio, à ignorância e demagogia comunistas.

 

Anterior “Antena1 dá cobertura à inconsciência política militar”

C.S

publicado por regalias às 06:16
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|
Sexta-feira, 7 de Julho de 2017

Antena1 dá cobertura à inconsciência político-militar

A tentativa de alguns militares e políticos lançarem granadas de fumo sobre os dramáticos e altamente explosivos acontecimentos de Tancos é de total inconsciência.

Não há qualquer dúvida que o roubo é de autoria militar e acabará por meter tudo no mesmo saco: canalhas e gente séria.

O Jerónimo, ao cobrir os militares comunistas e desviar as atenções para o Governo anterior e para este, vai colocar o Partido Comunista na sua verdadeira dimensão, realidade e fim.

O Partido Comunista é o maior culpado da situação em que Portugal se encontra ao ter destruído a economia e a autoridade do Estado, desde 1974 e 1975 com os II, III, IV e V Governos do Comunista Vasco Gonçalves.

Jerónimo sabe perfeitamente, que foram os seus camaradas comunistas da área militar, que cometeram o roubo que coloca toda a Europa em alto risco, devido aos explosivos roubados e facilmente transportáveis.

A Antena 1 dá cobertura às declarações do sargento etc., etc.,etc., e do rebarbativo Jerónimo, desde os Noticiários da meia-noite, uma e duas da manhã e das suas intervenções inconscientes e levianas para o roubo ser abafado, até que material e ladrões encontrem esconderijos seguros.

O comunista Vasco Gonçalves ao fabricar e proteger cabos que chegaram a Primeiro Sargentos e Tenentes-Coronéis ligou-os para a vida e pela estupidez ao Partido Comunista, sem que pela sua cultura, conhecimento e moral estivessem à altura dos cargos que desempenharam e ainda influenciam.

A Antena1 dá cobertura ao roubo, divulgando mensagens de distração, do Jerónimo e do sargento etc., porque dentro dela continuam células comunistas que servem para destabilizar Governos e colaborar num crime que lhes pode rebentar em casa.

Se as armas não forem rapidamente recuperadas, Portugal torna-se o país mais perigoso e desprezível da Europa.

 

Anterior “Alerta na Europa devido ao roubo de armas em Portugal”

C.S

publicado por regalias às 02:47
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 5 de Julho de 2017

Alerta na Europa devido ao roubo de armas em Portugal

A gravidade do que aconteceu em Tancos, com o roubo de material militar, parece estar a ser subestimado pelas reuniões de políticos que escondem os tremendos riscos que a Europa corre se os ladrões não forem apanhados e o armamento não for recuperado.

Há dois locais para onde devem estar destinados: Europa e Norte de África, Líbia.

Na Europa ficará o explosivo plástico, facilmente transportado e sem levantar suspeitas.

Cada explosivo plástico não tem mais de 200 gramas e pode destruir uma carruagem de caminho-de-ferro, qualquer autocarro ou ser colocado num recinto desportivo e produzir centenas de vítimas.

Os Governos Europeus têm de disponibilizar todos os seus maiores especialistas para apanhar rapidamente os ladrões ou, pelo menos, o que foi roubado.

Penso que parte deste material irá ou já foi levado para o sul de Espanha para ser embarcado para os campos terroristas da Líbia. Julgo que parte do plástico ficará, para ser utilizado na Europa.

Toda a população deve ser solicitada a participar em denunciar as suspeições que tenham.

Não é normal que tenha sido roubada a quantidade conhecida e divulgada pela Comunicação Social e ninguém tenha dado conta da saída e transporte de material capaz de destruir uma cidade.

Colaborar com a polícia para resolver este melindroso caso é um dever e uma obrigação de todos os cidadãos conscientes.

 

Anterior “Militares, gato escondido com rabo de fora”

C.S

publicado por regalias às 06:36
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 4 de Julho de 2017

Militares, gato escondido com rabo de fora

Por mais que, os dos paninhos quentes, com um país a arder desde o 25 de Abril, queiram tapar o óbvio, mais o escancaram como fizeram abrindo o portão de alta segurança que dá acesso, aos paióis, a grandes camiões do Exército.

As desculpas dos cortes orçamentais não justificam o descurar da vigilância. Os militares servem para quê? Para andar de corpo ao alto?

Quando o Ministro da Defesa, ainda há quatro ou cinco dias anunciou que tinha oferecido 170 militares para irem para a fogueira do Afeganistão, e que nunca os comandantes se tinham queixado da falta de efetivos para vigiar aquela área, todos compreendem que o roubo foi obra, ou pelo menos teve a bênção, de militares.

É gato escondido com rabo de fora.

Para que os inocentes não fiquem com culpas é fundamental desmascarar estes traidores, e terroristas por cooperação que colocam em perigo não só a segurança do país e da Europa como podem afetar a galinha dos ovos de oiro: o Turismo.

Os oficiais comunistas, vindos da fornada do Vasco Gonçalves, que os comprou distribuindo divisas e galões até aos Tenente Coronéis, vão-se manifestar contra a devassa para apanhar ladrões.

Fazem bem em entregar as espadas. Alguns ficarão sem elas por desejar proteger camaradas que não arriscarão aparecer.

Eles sabem que são escrutinados pela NATO ou por Bruxelas.

O roubo está escrito no vento. Basta ouvi-lo.

 

Anterior “O assalto do Jerónimo à inteligência e à subserviência”

C.S

publicado por regalias às 08:35
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 2 de Julho de 2017

O assalto do Jerónimo à inteligência e à subserviência

A subserviência do Partido Comunista ao Partido Socialista não deixa o Jerónimo pensar direito.

O Jerónimo ainda não compreendeu que ao acusar Governos anteriores, para os culpar dos acontecimentos do presente, arrasta a memória para todos os acontecimentos a seguir ao 25 de Abril.

É por isso fundamental não apagar a memória.

Se quisermos encontrar um Partido culpado de todas as desgraças desde essa fatídica data, o Partido Comunista é o seu expoente.

Salazar conseguiu travar a estupidez comunista e evitar estragos.

Contra o verdadeiro Comunismo, o da URSS, não o aplaudiu nem o condenou, pelo contrário não assinou o Pacto Anticomintern e até copiou os planos quinquenais de planificação económica, sinal que não se preocupava com o regime político do país.

Os Planos de Fomento desenvolveram Portugal. O crescimento ultrapassou 6% até ao ano da desgraça em 1974.

O desenvolvimento só foi travado pelos II,III,IV e V Governos Comunistas de Vasco Gonçalves que destruiu a parte económica com o encerramento de inúmeras indústrias e desbaratou a pesada herança comprando os praças e cabos que promoveu até Tenentes-Coronéis.

O Vasco minou a Instituição Militar de tal maneira que, certamente, um destes broncos comunistas, conhecedor do material dos Paióis resolveu vender o segredo sobre as fragilidades dos mesmos.

Se não foi um Comunista, foi um ignaro de igual coturno, mas simpatizante com a seita que, por uns milhares de euros, coloca Portugal em pior situação do que aquela em que se encontra.

Bem podia o Jerónimo cair com dignidade, depois dos últimos 3 vírgula não sei quantos por cento que o padre, com pretensões a Presidente da República, deixou de trágica herança ao Partido Comunista.

O padre e os outros pretendentes foram papados pelo Marcelo sem alardes. 

Marcelo comeu-lhes as papas na cabeça e umas sandes.

A vida está difícil. Uns comem tudo; outros vendem os roubos: granadas, gás lacrimogénio e foguetes anticarro para irem de férias.

Bem podem, o Costa e o Marcelo, ir ao Vaticano pedir as orações do santo Arcebispo George Pell, que se péla por brincar com as criancinhas.

O mundo está roto. A corrupção e a venalidade são gerais.

 

Anterior “Granadas roubadas podem rebentar em Espanha”

C.S

publicado por regalias às 06:26
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 30 de Junho de 2017

Granadas roubadas podem rebentar em Espanha

Este desgraçado 25 de Abril está para durar. O PREC agarrou-o. Os comunistas nunca mais largaram o osso.

As centenas de munições e Granadas roubadas agora em Tancos não são mais do que a continuidade do roubo de mil metralhadoras G-3 em pleno PREC, levadas a cabo por um valoroso capitão de Abril, disposto a distribuí-las pelo povo e incendiar Portugal.

O resultado tinha de aparecer. Os terroristas das FP-25, tendo como cabeça pensante o genial Otelo Saraiva de Carvalho, chefe da Revolução do 25 de Abril, da asneira e do crime, colocou-se à frente de um grupo de bandoleiros que assassinaram 18 inocentes.

Presos e condenados pelos assassinatos cometidos, pelos 66 atentados à bomba e 99 assaltos a bancos, estes terroristas, foram amnistiados pelo inqualificável Mário Soares, que assim conseguiu morrer de velho, baboso e muitíssimo rico.

O Juiz Martinho de Almeida Cruz ia morrendo de vergonha pelo ato cometido pelo Presidente da República.

Soares continuou com a mesma cara, a Comunicação Social tapou-lhe os buracos. O povo só depois de bem sovado e montado reage.

Engano. O povo, depois desta liberdade democrática e abrilesca, feita de comunismo, mentira, roubos e alta corrupção, preocupa-se mais em procurar comida do que pensar em quem vive e morre.

As granadas, agora roubadas em Tancos, podem ser rebentadas em Espanha se os terroristas não forem capturados.

Não temos dúvidas, que granadas e munições de 9 milímetros irão ser vendidas a terroristas treinados na Líbia, que necessitam de fornecedores dentro da Europa e que não despertem a atenção das autoridades.

O manicómio voltou a funcionar. Esperemos que o Costa e o Marcelo não deitem a toalha ao chão e sejam capazes de travar esta loucura que faz Azeredo Lopes enviar para a fornalha do Afeganistão mais 170 soldados.

A NATO transformou-se num clube de assassinos, ao serviço dos EUA. Invade países soberanos como aconteceu na Líbia e na Síria. Interessa-lhe ter outros coniventes..

Não perceber isto é fechar os olhos ao que acontece.

O roubo de Granadas e a venda de militares portugueses para servirem de carne para canhão pode ser o começo para mais uns anos da eterna maldição em que o 25 de Abril lançou Portugal.

 

Anterior “Estupidez não tem limites, lolós mostram a cara”

C.S

publicado por regalias às 06:14
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

Estupidez não tem limites, lolós mostram a cara

Conhecendo o ódio em alguns países africanos e árabes aos paneleiros ou lolós, palavras portuguesas para designar homossexuais, é espantoso como alguns mostrem a cara.

Os americanos, mais sabidos, depois do massacre em Orlando com 40 destes infelizes esventrados à bala, têm o cuidado de se taparem com véus ou outros disfarces.

A publicidade paga ou suportada por trabalhadores, da mesma espécie, em jornais, revistas e televisões faz que o número aumente e tenha sempre uns desgraçados que morrem desfigurados, num mundo em convulsão louca como se viu no caso da cidade de Orlando nos Estados Unidos e noutros países, como a Rússia, onde a homofobia tenta evitar que a Sida alastre como o fogo.

Segundo os últimos dados médicos conhecidos sobre este flagelo, a SIDA voltou a aumentar de forma alarmante.

Mas a culpa não é só da juventude que gosta da brincadeira, do espavento e da provocação, sem pensar nas consequências. A culpa é dos políticos e de quem os escolhe para os cargos, sabendo que eles são paneleiros assumidos. Isso tem de ter consequências trágicas.

As pessoas podem ser o que entenderem, mas quem se expõe sujeita-se ao vexame e, muitas vezes, à morte.

Quando o Luxemburgo tem um primeiro-ministro que aparece agarrado a outro homem, apontado como seu marido e a Irlanda elege também para primeiro-ministro um invertido, o mundo tem de acabar mal.

Ou acaba à bomba como afirma e demonstra Jack Ma, o multimilionário fundador da Alibaba e do motor de busca chinês Taobao, ou, digo eu, acaba pendurado pelo rabo.

 

Anterior “Terrorismo aumenta na Europa. Culpados são os EUA.

C.S

publicado por regalias às 10:32
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Parvalheira, demagogia e ...

. António Costa se tivesse…...

. A ignorância dos rafeiros...

. Portugal transformou-se n...

. Antena1 dá cobertura à in...

. Alerta na Europa devido a...

. Militares, gato escondido...

. O assalto do Jerónimo à i...

. Granadas roubadas podem r...

. Estupidez não tem limites...

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds