Segunda-feira, 31 de Julho de 2017

União Europeia condena violência na Venezuela

Qual violência, a da Oposição ou a do Governo Venezuelano?

Aquilo a que temos assistido, desde o início de todos os confrontos foram, em mais de 95 por cento dos casos, provocados pela Oposição.

Não reconhecer isto é faltar à verdade. Tanto Chaves, como Maduro souberam sempre moderar as respostas à provocação.

A Oposição tem feito tudo para provocar as mortes dos seus apoiantes. Com um despudor e uma insensibilidade extrema empurra os jovens para a provocação tão perigosa para as Forças da Ordem que para conter a multidão têm de usar meios para eles próprios não serem mortos ou gravemente feridos como aconteceu muitas vezes.

Se analisarmos esta pacífica Oposição verificamos que ela pouco se importa com o povo. Serve-se do povo para atingir o poder.

Nas duas últimas votações. A do Referendo da Oposição, fizeram-no praticamente sem serem incomodados, embora sempre com a esperança de lançar o caos e se apresentarem como vítimas.

E nestas eleições para a Assembleia Constituinte, que fez a Oposição? Barrou estradas. Insistiu em largas manifestações de manhã e à tarde no sentido de impedir os que quisessem votar de se aproximar das urnas.

De quem é a violência? Do Governo ou da Oposição?

A União Europeia anda a brincar com o fogo. Obedece à voz do dono, tal como os rafeiros.

A União Europeia reconhece a estupidez das sanções, que prejudicam todos menos a Besta que tudo faz para seu interesse. Acobarda-se.

Todos condenamos a violência. Tudo faremos para a denunciar, venha do lado Democrático ou do lado Comunista.

Os Governos têm de governar com autoridade suficiente para não serem violentos. Esta máxima fez sair Portugal da escabrosa miséria para onde a Primeira República o tinha empurrado; ajudou a Espanha, depois da guerra civil, a ter alimentos, evitando todo o desperdício em Portugal através de senhas de racionamento. Durante a Grande Guerra recebeu dezenas de milhares de refugiados, todos tratados com dignidade.

Todo o País respeitou a autoridade e o exemplo de quem o Governava.

Se os Governantes não compreendem a diferença entre Violência e Ordem, o melhor é escolherem outro ofício.

 

Anterior “Forçar a Ditadura na Venezuela num mundo de enganos”

C.S

publicado por regalias às 15:47
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Os jovens têm de saber ti...

. Saber ouvir, saber pensar...

. Exército Europeu para aca...

. O Panteão e os Pantaleões...

. Os bacanais dos Bispos em...

. Um país de pataratas e a ...

. Salvar Portugal: divulgar...

. Aprender naturalmente, se...

. Robots, bem-vindos a Port...

. Os 80% dos médicos que fi...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds