Sexta-feira, 29 de Novembro de 2013

Portugal, sem parasitas, evoluía

D. Sancho II foi um rei valente e corajoso. Alargou o território português, mas o seu Governo não teve pulso para aguentar a contestação daqueles que tinham muito mais do que o povo. O Papa colocou-se ao lado dos Bispos e dos nobres e entregou o Portugal a seu irmão Afonso que vivia em França.

D. Afonso III (1248-1279) veio cheio de força e disposto a pôr ordem na casa e alargá-la. Levou de vencida os mouros e acabou por conquistar definitivamente Faro, Albufeira, Loulé, Aljezur, Porches e Silves, para isso aproveitou a sua gente de armas e os fidalgos que o acolheram.

Dois anos depois de ter chegado desenvolve o comércio interno ao criar feiras e isentando-as de impostos. Fixa o preço dos produtos e proíbe a exportação de cereais e metais preciosos. Volta a fazer Inquirições. O clero e a nobreza queixam-se a Roma. D. Afonso III não se impressiona com as ameaças; tira-lhes aquilo que eles chamavam os direitos adquiridos.

D. Afonso III passa a residir em Lisboa e em 1255 a importância da cidade é tão grande que os serviços públicos são aí concentrados e passa a capital do reino.

Em 1267, pelo Tratado de Badajoz fixa com o rei de Castela, as fronteiras de Portugal.

O Papa excomunga D. Afonso III, porque este não lhe obedece. Esse gesto revela a força dos portugueses. D. Afonso III enfrenta o homem mais poderoso e mais respeitado da Europa.

Neste reinado nasceu em Lisboa Pedro Hispano que foi eleito Papa com o nome de João XXI (1276-1277). Faleceu de acidente.

A D. Afonso III sucede o filho, D. Dinis, (1279-1325), cuja cultura foi muito diferente dos antecessores. Em 1288 funda no Bairro de Alfama o Estudo Geral, o qual originará a Universidade de Lisboa.

Como a nossa língua era uma mistura de galego e de português, era chamada de Galaico-português, mas a língua evolui, é um corpo dinâmico, as palavras tomam formas diferentes e em 1296 D. Dinis opta pelo português como escrita oficial. Desde essa data até hoje as diferenças são bastante grandes e é por isso que aparecem os acordos Ortográficos para que a escrita e a fala tenham mais semelhanças.

Em 1297 ratifica o Tratado de Badajoz e, pelo Tratado de Alcanizes fixa definitivamente as fronteiras de Portugal. É por esse motivo que Portugal é considerado o país com as fronteiras estáveis há mais tempo na Europa.

A cultura, o estudo permanente e a ponderação fizeram de D. Dinis um rei excecional.

Quando da extinção da Ordem dos Templários e do assassinato do Grão – Mestre, Jacques Molay, D. Dinis consegue que muitos bens da Ordem dos Templários sejam transferidos para a Ordem de Cristo e foram mais tarde o suporte para os descobrimentos portugueses.

O País é tão bem orientado economicamente que em 1308 é organizada a marinha Portuguesa e D. Dinis faz, por três vezes, empréstimos vultuosos ao rei de Castela.

Éramos poucos, o território continental era o mesmo, mas não havia greves, nem parasitas. Todos trabalhavam, tinham cabeça e amavam Portugal.

C.S

 

publicado por regalias às 08:01
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. No País dos loucos salvem...

. Profissionalismo, a admir...

. O ser humano comete erros...

. Não deixem morrer a exper...

. Direita e Esquerda domina...

. Aproveitem a ocasião: ins...

. Portugal, políticos, poli...

. Portugal nas mãos de Cost...

. Cavaco e os pindéricos co...

. Legislativas foram uma de...

.arquivos

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds