Domingo, 15 de Dezembro de 2013

Portugal vendido ao desbarato

Portugal só teve prosperidade e paz quando o timoneiro soube dirigir este retângulo com os pés no mar e corpo encostado à Espanha, que só é grande porque os Estados que a compõem estão unidos.

As Invasões Francesas perturbaram de tal maneira o País que trinta anos depois se lutava porque os portugueses tinham sido divididos por meia dúzia de senhores que continuavam a servir-se do povo para fazerem uma guerrilha destruidora cuja vítima era sempre…o povo.

D. Maria II (1834-1853) recebe um País em efervescência e sem capacidade financeira, mas, no meio da guerrilha em lume brando e dos azares, aparecem homens muito inteligentes que apesar dos cacos em que Portugal estava fragmentado conseguem realizar obra com muito sacrifício e muita contestação.

Em 1834 tinha sido decretada a extinção das Ordens e Corporações religiosas. Os imóveis, conventos, terrenos e outros bens foram entregues ao Estado e este com a venda dos mesmos conseguiu fazer progredir o País, apesar de tudo ter sido vendido ao desbarato.

Meto aqui uma pequena nota. Costa Cabral comprará uma parte do Convento de Cristo em Tomar. Virá a ser ministro com a total confiança da rainha.

Costa Cabral nasce relativamente pobre, mas como não se conforma com a pobreza consegue ir estudar para Coimbra. É uma inteligência brilhante. O caminho para as honras e para a fortuna está-lhe aberto. Ele aproveita. A rainha dá-lhe o título de Conde. Durante toda a vida recebe por um lado muita contestação e por outro, condecorações pelos serviços prestados.

É criada a Associação das Casas de Asilo da Infância Desvalida para acudir não só aos mais pobres, mas a todos aqueles cujos pais tinham morrido no estúpido conflito em que se viram obrigados a entrar.

Entra em vigor o Código Comercial de Ferreira Torres.

Faz-se a Reforma Administrativa. Segue-se a primeira Reforma Geral do Ensino. São criados Liceus. Em Lisboa e Porto são criados os Conservatórios de Artes e Ofícios. Em Lisboa são fundados o Instituto Agrícola e o Instituto Industrial.

O continente é dividido em 17 distritos e as ilhas em três.

O Duque da Terceira sobe ao poder em 1836. Mas Cartistas (defensores da Carta Constitucional) e Vintistas (defensores da Revolução de 1820) continuam a não se entender.

A Guarda Nacional intervém e obriga a Rainha a fazer o que ela entende. A simpática e carente rainha, durante o seu reinado acontece-lhe de tudo, desde a Guerra civil, às lutas entre liberais e absolutistas, às revoluções desde a de Setembro, a Belenzada, a Revolta dos Marechais, a Maria da Fonte, a Patuleia.

Estes movimentos tomavam o nome consoante as situações. A revolução de Setembro dá origem aos Setembristas. A Belenzada porque a rainha foi para Belém etc.

Em 1846 a revolução conhecida por Maria da Fonte foi uma sublevação popular contra a proibição dos enterramentos nas igrejas. O povo não compreendia que isso era para seu bem. Os corpos em decomposição iriam afetar muitos daqueles assistiam aos ofícios religiosos.

A falta de dinheiro continuava. O Governador de Timor, Lopes da Silva,  não viu outra maneira de o arranjar para pagar aos funcionários e trabalhadores da ilha do que vender metade do território aos holandeses. É preso por esta atitude.

Embora as dificuldades sejam imensas, os homens, sempre discutindo uns com os outros, têm o sentido do amor à Pátria e a inteligência não os deixa soçobrar perante as dificuldades.

São uniformizados os pesos e as medidas.

Em 1852 dá-se a reforma da Carta Constitucional, a reforma do sistema administrativo das colónias.

É abolida a pena de morte para os crimes políticos.

Em 1853 é emitido o primeiro selo português com a efigie de D. Maria II. Quem o tiver hoje tem uma fortuna em casa.

Tudo D. Maria II suportou e ainda conseguiu ter onze filhos. Sempre sensível, sempre preocupada com o bem do povo, sempre bonita. Morre aos trinta e quatro anos, sem nunca mostrar descontentamento ou enfado. Tinha uma missão a cumprir e deu tudo quanto podia e quanto sabia.

C.S

 

 

publicado por regalias às 07:33
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Os portugueses e o que in...

. A fome e o frio metem a l...

. Ingovernável, Anarca e se...

. Depois das Eleições, o tr...

. O que nos interessa saber...

. A infâmia humana é superi...

. O bem público

. Dois galos na mesma capoe...

. Os mares estão doentes e ...

. "Visita Guiada" - CUF - A...

.arquivos

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub