Quarta-feira, 5 de Junho de 2019

Presidente da República e as cobras cuspideiras

As cobras cuspideiras da política do quanto pior melhor resolveram contradizer Marcelo Rebelo de Sousa pela maneira, aparentemente ingénua, como expõe as suas opiniões.

Marcelo fala de maneira que todos o entendam e pouco se importa dos catedráticos que preferem conversa hermética e ao seu jeito.

Isto não vem de agora. Não são só os repolhos pançudos do PSD que se atiram ao Presidente.

Há tempos li uma catilinária de um tronchudo do PS, assessor do Mário. Desfez o Marcelo, dizendo-lhe o que Maomé não dizia do toucinho.

Marcelo também não sai isento destas culpas. Tanto quer unir os portugueses que diz bem, até de sujeitos que morreram podres de ricos, depois de terem sido Presidentes de Portugal. Prometeram eliminar os pobres. Fizeram o contrário. Eles encheram os bolsos

Quando Marcelo alvitrou em lhe dar o nome ao Aeroporto do Montijo, também aí fui desagradável com tanta ingenuidade. O Blogue obteve o agrado de muita gente, que critica também o Presidente por proteger salafrários que sempre foram contra ele.

Revejam os comentários de Mário Soares, antes das eleições Presidenciais para ver neles o ódio ao filho do antigo Ministro de Salazar e Caetano, Rebelo de Sousa. Marcelo pode perdoar, mas esquecer nunca!

Se o tipo fosse um exemplo, alguém que tivesse feito algo de útil por Portugal, mas não. Fez precisamente o contrário. Apoiado numa propaganda de bastardos sem coluna vertebral fizeram de Soares e Cunhal salvadores da Pátria, em vez dos seus coveiros.

O bastardo que atacou Marcelo não ficou esquecido. Já que o Presidente teima em não ligar à matilha, há sempre quem o defenda, sem que ele peça. Mas tem de tomar atenção.

O tronchudo do PSD que vem arrotar contra o Presidente não passa de um frustrado. Não é burro. Sabe aproveitar-se da situação em que o país vive para tirar partido dos ninhos que lhe pagam com largueza.

De política só percebe o que lhe interessa. O aluno Rio foi um desastre. É nesse caos que prefere viver.

Só assim se justificam os ataques ao Presidente dos afetos, que às vezes exagera em beijos, abraços, perdões e condecorações.

 

Anterior “Legislativas e os novos palhaços para confundir o povo”

C.S

publicado por regalias às 06:15
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9


24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O cheiro abominável do di...

. Viver com as leis da Natu...

. Influência dos jornalista...

. Greves e ameaças desfazem...

. Tony Carreiras, Cinemax, ...

. Ruinas, grafitis, simpati...

. Ursula preside, finalment...

. Conselhos dos pais rarame...

. Escreva um livro, fique n...

. Depressão III e a neurose...

.arquivos

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds