Domingo, 10 de Janeiro de 2021

Os sinos tocam a finados e os macacos são os culpados

Preocupei-me, desde muito jovem, para saber porque tinha nascido e porque havia pobres. De procura em procura, percorri mundo, trabalhei em vários ofícios, fiz sempre por ser muito bom naquilo que fazia; regressei ao Império, dei aulas de Português, Francês e Jornalismo no ensino oficial e de latim, grego, filosofia, Inglês. Alemão, História no particular, além das disciplinas atrás mencionadas, fui Diretor de dois Jornais, Presidente de duas Associações ao mesmo tempo; o Club Thomarense, considerado o Clube dos ricos e a Sociedade Nabantina, considerada dos remediados e dos pobres, fui Deputado, fiz um santo, e escrevi entre livros e livritos mais de cem obras. Continuei sempre em ritmo acelerado.

Porque revelo isto? Porque os sinos dobram a finados pela idade, ou porque o Corona vírus me obriga a revelar, aquilo que penso saber e assim alargar o futuro às gerações inquietas e indisciplinadas, como é próprio da Juventude.

Porque nasci? Há Deus ou não há Deus? Foi um pensamento e uma luta permanente. Há Deus como Espírito Criador que não beneficia nem prejudica ninguém. É um Espírito Criador Democrático; de cariz, mais de Democracia Orgânica, do que Democracia Representativa.

Democracia Orgânica que os povos instintivamente formam ao juntarem-se globalmente, corporativamente, para trabalhando em conjunto melhor se defenderem, mais das intempéries de limpeza do que de guerras que fazem mais por incapacidade mental do que por vontade própria.

O Espírito Criador, ao espalhar a vida por todo o Universo deixou, em todos os seres humanos dois espíritos, um sensato e outro, meio pateta, quase inconsciente que empurra o ser humano para o erro a que só os mais calmos e ponderados conseguem superar.

Estudei-me a mim, estudei os outros e fiz experiências que me confirmaram a existência dos espíritos que dão força ao ser humano.

Confirmei isso quando, por acaso, fiz um Santo, assim considerado pelo povo porque fazia milagres, ou seja coisas extraordinárias, tal como Cristo e outras figuras da História que tinham pouco de santos, mas muito de força transmissível a quem lhes pedisse ajuda.

Todo o ser humano tem essa força, só que muito poucos a utilizam.

Várias vezes o escritor Vergílio Ferreira, que tinha sido colega do Padre Miguel no Seminário, e eu próprio confirmei e relatei, em livros. Casos, inacreditáveis de curas ou outros factos que aconteciam através do poder de um ser humano sobre outro ser humano.

O Covid força-me a revelar estes assuntos porque a situação é demasiado séria para a continuarmos a pensar com ligeireza.

Todo o mundo está nas mãos de um vírus tão pequeno, que não se vê, mas que é uma campainha desesperada do Espírito Criador, que nos diz: ou o ser humano se modifica e deixa de proceder irracionalmente ou tudo tenderá a desaparecer de maneira mais rápida e mais dolorosa.

Os macacos da Tasmânia (Estado insular perto da costa sul da Austrália) que foram infetados por Chimpazés e outros macacos com o HIV e que até hoje, o ser humano não encontrou uma vacina eficaz para o eliminar.

O ser humano, que quase atingiu a força do Criador Inicial está a perder-se a um ritmo alucinante e descuidado, tal como o macaco que não pensa nas consequências dos seus atos empurrados pelo instinto.

Por hoje ficamos por aqui. Outro dia, se houver, voltaremos ao assunto que neste momento tem de mobilizar todos os seres humanos para que os sinos deixem de tocar a finados.

Coloque a máscara. O assunto é demasiado sério para não pensar nele e o resolver rapidamente.

 

Anterior “Quem são os culpados, Governo, Oposição ou povo?”

C.S

publicado por regalias às 11:37
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Centenário da maldição so...

. Gestão, desperdício e sof...

. Aeroportos sem aviões

. Venezuela e os benemérito...

. Nova vida em novo mundo

. Solidariedade ainda pode ...

. Passados dois mil anos, P...

. Aproveite o confinamento ...

. Emergência nas infraestru...

. Gato escaldado natalício ...

.arquivos

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub