Domingo, 10 de Outubro de 2021

Aníbal Cavaco Silva e a pobreza

Cavaco Silva acusa António Costa de não ter aproveitado a boa situação do País depois do Governo PSD - CDS (A seguir a ter engolido Seguro e depois do golpe de magia, mais tarde, apelidado de geringonça), tal como não soube aproveitar os dinheiros de Bruxelas e do Banco Central Europeu; conclui que, com este Orçamento, o País vai ainda empobrecer mais.

Na verdade, Costa, querendo agradar a Gregos e Troianos, acaba por quase enterrar os pobres, que se veem gregos para sobreviver.

Pode dizer-se que os Governos de Cavaco Silva foram os que melhor souberam navegar nas águas agitadas desta pandemia que dura há 47 anos.

O País progrediu, houve uma melhoria efetiva. Mas Cavaco Silva nunca foi o bem-amado, principalmente por um excesso linguístico, mal explicado.

Cavaco Silva ao incitar o povo ao trabalho e ao verificar que muita gente ganhava mal, ao querer sugerir como poderiam melhorar a vida, e para justificar como lamentava a situação, deu o seu próprio exemplo que ganhando aparentemente bem, dez mil euros por mês, mais coisa, menos coisa, por vezes sentia dificuldades.

Muita gente não percebeu que a sua intenção era incentivar as pessoas a ter melhores empregos e a estudar para tirarem melhor rendimento das suas capacidades.

Penso, não tenho a certeza, mas Cavaco Silva frequentou as fabulosas  escolas Comerciais e Industriais, que davam acesso direto ao mercado de trabalho e que a imbecilidade de alguns Governantes acabou com elas porque, diziam, estavam destinadas aos mais pobres, o que era totalmente mentira.

Os países mais avançados da Europa, têm este tipo de escolas, para os alunos que preferem a prática ao excesso de teoria e as frequentem, podendo depois ingressar nas Universidades, caso pretendam.

Os Politécnicos apareceram depois para as substituir. Mas ainda não conseguiram atingir o nível desejado.

Einstein, o maior cientista do século XX, frequentou uma dessas escolas.

Voltemos a Cavaco e aos dez mil euros. Claro que ele não queria ofender ninguém, queria incentivar o esforço e a qualidade para se atingirem bons ordenados, porque ele com os dez mil euros tinha de gerir bem o dinheiro. As suas funções como Chefe de Estado, obrigavam-no a fazer despesas muito grandes para honrar o cargo e por essa razão tinha de orientar bem o que recebia para não enfrentar dificuldades.

Os demagogos de Esquerda aproveitaram a ocasião para inflamar os menos atentos às palavras de um Governante que fez uns mandatos com equilíbrio e os únicos que até agora merecem nota positiva.

Esperemos que Cavaco Silva se engane quanto às promessas do António Costa e este seja Homem para que os Reformados recebam, pelo menos 500 Euros por mês.

Coloque a máscara. Reivindique, quando tiver de reivindicar, mas não prejudique quem quer e precisa de trabalhar.

 

Anterior “Queremos ouvir sempre o que nos agrada”

C.S

publicado por regalias às 08:04
link | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Chinês, números até 100

. Old friends, se rirem men...

. Todos acreditam nos portu...

. Dezembro e Janeiro que fa...

. Chiinês. pronomes e verbo...

. Costa e Rio combatem por ...

. PSD faz a festa, PS ainda...

. O Mundo entrou em pânico

. Chinês, ,meses

. Marcelo e a Democracia ca...

.arquivos

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub