Domingo, 9 de Janeiro de 2022

Sondagens para todos os gostos

Depois de nas últimas eleições, as sondagens terem sido um total falhanço, chegaram as das próximas Legislativas, que dão para contentar todos, menos o CHEGA, que é o mais falado por estas ruas da amargura em que Portugal caiu.

Com um telefonema e dez minutos de conversa fiada e simpática, os donos das sondagens têm a sua pequena mina bem organizada.   

É a inteligência portuguesa a funcionar. Nada temos a contestar. Cada um governa-se como pode.

Não interessa a credibilidade. O povo precisa de emoção, de conversa e discussão. Esta pandemia pode abalar as células mentais e precisam de ser sacudidas. Nada melhor do que espevitar a conversa.

Quem percorra o País sabe que as Legislativas do próximo dia 30 são tema comum. Ontem a conversa eram as sondagens. Todas convergiam num ponto:estão enganadas.

Desde que o Partido Comunista e o Bloco de Esquerda deitaram o Partido Socialista de cangalhas, os dois Partidos sofreram-lhe os efeitos; muitos dos seus antigos aderentes não lhes perdoam tal como o Costa.

Muitos deles não compreendiam a sondagem.

Nada melhor do que ir votar e verificar o resultado no fim da contenda.

 

Coloque a máscara. Converse, discuta.  Isso faz-lhe bem, mas mantenha a distância.

Anterior “Seja mais competente, desde já.”

C.S

publicado por regalias às 09:02
link | comentar | favorito
Sábado, 8 de Janeiro de 2022

Seja mais competente, desde já

Não espere pelo resultado das eleições, seja melhor em tudo quanto fizer.

Se é locutor ou locutora aperfeiçoe a sua dicção. Não fale de forma atabalhoada, se gosta do que faz e não quer deixar a sua Estação emissora.

Se trabalha num supermercado, a sua simpatia é essencial para cativar a clientela.

Em Portugal nota-se um grande desinteresse pelos trabalhos, ditos, normais, talvez por serem mal pagos, mas os portugueses têm os países da União Europeia onde o seu trabalho é altamente valorizado. As viagens até são rápidas e baratas. Nada melhor do que forçar os Governos a pagar salários mais altos, em vez de serem confrontados com greves que prejudicam Governos e o resto da população.

Um bom trabalhador é altamente valorizado.

Julgo que foi há dois ou três anos que uma jovem portuguesa começou a trabalhar quase como servente em Inglaterra, e com fracos conhecimentos de inglês. No final do primeiro ano passou a dirigir a Instituição onde tinha começado a trabalhar.

Os Governantes que saírem destas Eleições Legislativas devem tomar muita atenção ao que fazem e serem extremamente competentes. O povo está a rebentar de saturado.

Por todo o lado se ouve gritar por Salazar.

Comparem a Primeira com a Segunda República. Deixem-se de demagogias, próprias de inconscientes,que pode dar mau resultado.

Na Primeira República,1910-1926, os Governantes não conseguiram que o povo lhes obedecesse apesar das promessas, ameaças, pancada, prisões e mortes.

Na Segunda República, desde 1933 até 1968, Salazar fez tudo quanto quis. O povo adorava-o. Claro que há sempre os descontentes porque, para eles, o povo não é gente.

 

Coloque a máscara. Vote como quiser. Use a inteligência. Pense um pouco. Acredite em si. Todos somos inteligentes se não corrermos a foguetes. Tenha calma. O resto da Europa e muitos outros países no mundo acreditam em nós.

Anterior “Candidatos às eleições devem aproveitar a Internet”

C.S

publicado por regalias às 08:25
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 7 de Janeiro de 2022

Candidatos às eleições devem aproveitar a Internet

Um dos problemas dos candidatos à Assembleia da República é que não sabem, verdadeiramente, para que serve aquela Casa, quais são as suas funções e o respeito que o povo, que representam, merece.

Enquanto Deputado, fui, várias vezes, altamente desagradável com os outros Deputados por sentir que o único prejudicado era o Povo quando se perdia muito tempo com assuntos de lana-caprina e já havia sinais do que iria acontecer.

Uma das vezes, de tão exasperado estava pelo tempo perdido,mesmo perante a ameaça do saudoso Presidente, Teófilo Carvalho dos Santos, de fechar a Assembleia da República se eu não retirasse as palavras que acabava de proferir, respondi que não retirava, e podia fechar pois ela não servia para nada, o que em parte era verdade. O Povo não beneficiava de assuntos ali tratados.

Muitos Deputados, por falta de orientação dos Dirigentes dos seus Partidos, pouco ou nenhum conhecimento têm do que estão ali a fazer.

Falta-lhes um pequeno estágio depois das eleições, caso contrário não são aproveitados porque não sabem como se movimentar naqueles meandros nem tirar proveito da sua vontade de servir o bem-público.

A Internet é a Grande Universidade no campo da Cultura. Os Deputados Têm aí todos os assuntos do mundo a que devem estar atentos.

São frequentes as visitas a países estrangeiros e Delegações de outros países que nos visitam.

Deputado eleito deve mostrar a sua qualidade e o seu conhecimento para que os representantes dos outros países ganhem confiança nos representantes de Portugal.

Salazar fez isso de forma magistral Foi assim que recuperou o País e foi elogiado em todo o mundo.

Os nossos Ministros e embaixadores eram os mais qualificados. Aquilo que fizeram, envergonha os politiqueiros de sarjeta porque nunca lhe chegaram aos calcanhares.  

Relembro quatro, mas podia recordar mais de trinta: Franco Nogueira, Pedro Teotónio Pereira, António Ferro, Adriano Moreira, felizmente ainda vivo.

 Coloque a máscara. Se é Português com máscara, quer distância, e lava frequentemente as mãos. Não há Covid que resista à inteligência e à limpeza.

Anterior “Ao Sol”

C.S

publicado por regalias às 08:49
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2022

Ao Sol

Nestes tempos incertos, confusos e pandémicos, para recuperar o fulgor da vida tenho de mergulhar na poesia.

 

Ao Sol

 

No calor dos beijos

Que me abraçam.

Nos raios divinos

De um corpo de mulher,

No prazer infinito

Da luxúria e sedução

Recupero abalos de coração

Quando te possuo.

Abraço-te com a suavidade

Da fúria contida,

Do amor quente

No teu corpo ardente.

É fogo. São chamas.

Bebem-se

Como o mais puro vinho

Que o Céu oferece,

A quem, carente,

Espera paciente

Pelo teu amor.

Por um raio de Sol.

 

Coloque a máscara.

Ninguém vive sem Sol, nem oxigénio, nem com excesso de poluição marítima.

Políticos; grandes, pequenas e minúsculas Potências ainda não entenderam.

Será que estamos condenados a morrer no primeiro reino dos porcos?

Anterior “Chinês, Tempo”

C.S

publicado por regalias às 08:58
link | comentar | favorito (1)
Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2022

Chinês Tempo

 

Estou cheio de pressa para colocar aqui todo o material necessário para falar e escrever Chinês, mas não o devo fazer.

Temos Eleições Legislativas e “o virar da página” é fundamental para a maioria dos portugueses.

Acima de tudo está o interesse de todos.

Eu dou um jeito ao chinês e no final do ano, o resultado será idêntico.

Continue a fixar os caracteres chineses e a leitura (a transliteração) com o significado em português

Olhe bem para o Inverno, a Primavera. o Verão e o Outono. Todos têm o mesmo caracter final,  TIÉN

Coloquei também as palavras Hoje e Dia- têm sotaques idênticos, por isso leia como está escrito. Eu passei por essa situação em várias línguas. Depois comecei a falar sem problemas. Não tenha complexos. Um pouco de descontração e descaramento, simpático e educado, ajuda sempre a um bom relacionamento.

 

INVERNO           冬天 DONG TIÉN

PRIMAVERA    春天 CHUN TIÊN

VERÃO              夏天 SIÁTIÊN

OUTONO           秋天 QIUTIEN

  Hoje               今天 Jīntiān

 DIA                            TI(A)ÉN

 HOJE              今天   JINTI(A)ÉN

 ONTEM     昨天 ZUÓTI(A)ÉN

 AMANHÃ  明天 MINGTIÉN

 DEPO De A 后天 HÔUTIÉN

Recorde; muitas vezes, o Q soa a Ch, o J a T, os g finais, mal se ouvem

 

Sol       Tàiyáng

 calor             

 suor           Hàn

 chuva          

 vento          Foēng

 frio              Lãěng

Neve       Xuě

Temporal  颞     Niè

 

Coloque a máscara. Chinês, sem máscara, está fora de moda.

Não se esqueça das eleições e dos 20 minutos de chinês por dia,para repetir caractereslhes ganhar o jeito e a paciência.

Anterior “Um político eleito ou é incorrupto ou não aceita o cargo.”

C.S

publicado por regalias às 08:33
link | comentar | favorito
Terça-feira, 4 de Janeiro de 2022

Um político eleito ou é incorrupto ou não aceita o cargo

Os políticos devem ser sempre os mais honestos, os mais puros e os mais inteligentes.

A inteligência aumenta sempre, segundo as leituras e as viagens.

As eleições do dia 30 de Janeiro têm de ser o "virar da página" destes 47 anos e seis meses de Libertinagem, estupidez, corrupção e oportunismo sem escrúpulos, dos mais infames sobre os mais débeis.

Um cargo político é um cargo sagrado, na pura aceção do termo.

Quem prefere negociar tem o privado, onde pode ganhar ou perder, mas não prejudica a comunidade. Perde ou ganha quem negoceia.

A União Soviética experimentou o Estado Comunista com a a absorção e orientação das propriedades. Ao fim de 70 anos, deu por finda a experiência.

A China com o Maoismo semelhante fez o mesmo, e contínua, com algumas variantes. A mais interessante é “Um Governo, dois sistemas”

Tanto um país como o outro serviram-se sempre de pulso ferro para Governar.

Não raro, os corruptos e outros desviantes foram e ainda são condenados à pena capital ou à  prisão perpétua.

Na Alemanha, Suíça, Bélgica,Holanda, Dinamarca, Áustria, Suécia, Noruega e Finlândia, só lhes falta o Sol e um pouco de calor para viverem totalmente felizes.

Portugal tem o que lhes falta, mas faltam-lhe as regras que eles seguem para ter dinheiro, o segredo de 95 por cento da felicidade humana.

Estas eleições de 30 de Janeiro podem ser o “virar da página”, expressão feliz do Presidente da República.

É doloroso sentir o que Portugal está a passar por egoísmo de 15% dos seus habitantes.

 

Coloque a máscara. Não desista de lutar pela sua saúde, pela sua prosperidade, pela sua felicidade.

Anterior “A União Europeia beneficia se Portugal for próspero.”

C.S

publicado por regalias às 08:49
link | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 3 de Janeiro de 2022

A União Europeia beneficia se Portugal for próspero

Beneficia, mas é necessário que os portugueses não se deixem levar pela conversa dos oportunistas e dos dirigentes Sindicalistas grevistas que arrastam o País para a fome e para a miséria pois eles estão servidos.

Aquilo que tem de acontecer, se não mudarem de atitude, é denunciar as instituições onde eles se aboletam. E, desde os programas, onde por dez minutos de treta ganham vários ordenados mínimos até aos “heróis” do 25 de Abril que chegaram a Tenentes-Coronéis e Coronéis num dia de passeio autorizado por Marcello Caetano.

Caso não tivesse sido assim tinha-lhes acontecido o mesmo que à Revolta das Caldas, poucos meses antes, e que, ao chegarem a Lisboa, voltaram pelo mesmo caminho, com o rabo entre as pernas. Alguns tiveram tanta sorte que foram despachados para as ilhas paradisíacas dos Açores e da Madeira.

Mas este Ano todos temos de tomar juízo. É o Ano da mudança.

Ramalho Eanes já recusou Presidir às comemorações dos 50 anos do 25 de Abril, que o Marcelo, dos nossos desgraçados dias, tinha tentado baralhar mais os portugueses menos informados.

Felizmente, Ramalho, evitou a tempo o descrédito em que iria cair.

Então, o Homem impoluto, que fez o 25 de Novembro para terminar com a caótica situação do PREC e o caminho desastroso para onde Portugal estava a entrar, ia agora elogiar o 25 de Abril? Ele que declara, no Diário de Notícias, que seria fuzilado se não tivesse vencido. Marcelo, Marcelo! Repito: felizmente Ramalho Eanes retirou-se a tempo, caso contrário alguém teria que o defender e desmontar este Presidente com ideias tão absurdas e despropositadas.

Voltemos à Europa.

Todos os cidadãos dos 27 países, membros da União Europeia, têm os mesmos Direitos e Deveres nesses países, onde podem viver, trabalhar  e circular livremente.

São Membros da União Europeia: Portugal,Espanha, Itália, Bélgica Áustria, Alemanha, Irlanda, Dinamarca, Luxemburgo, Países Baixos, República Checa, Polónia, Lituânia, Letónia, Estónia, Eslovénia, Eslováquia, Croácia, Roménia, Finlândia, Suécia, Hungria, Bulgária, Grécia, Chipre, Malta.

Quando se diz que Portugal está em último lugar, isto tem uma razão de ser. Os Governos não têm a totalidade das culpas. Os Sindicatos e as retrogradas células Comunistas, infiltradas no Tempo de Cunhal e Vasco Gonçalves, continuam a minar a própria sobrevivência dos filhos.

 

Coloque a máscara. Esteja em casa. Dê uma volta pelos países da União Europeia na Internet. Prepare o futuro. 2022. As Legislativas são a nossa esperança. Oiça os debates.

É fundamental “Virar a página”.

Anterior “Ganhe quem ganhar, salário vai aumentar”  

C.S

publicado por regalias às 08:41
link | comentar | favorito
Domingo, 2 de Janeiro de 2022

Ganhe quem ganhar, salário vai aumentar

As Eleições do próximo dia 30 de Janeiro vão mostrar a inteligência dos Portugueses ou se eles querem continuar a ser burros de carga daqueles que nunca elegem ninguém, mesmo sendo parasitários de um dos maiores Partidos.

Partido Socialista ou Partido Social Democrata são pois vencedores antecipados e a única maneira do País  sair da escandalosa miséria em que está mergulhado.

Ganhe um ou outro, a solução para ultrapassar este ciclo de miséria, fome e dois milhões e 500 mil pobres é que eles se unam para acabar com as pandemias que assolam o País há quase 48 anos.

Tudo começou com o PREC e com os quatro Governos Comunistas de Vasco Gonçalves que espatifou, num ano, várias dezenas de toneladas de ouro. No final dos terceiro e quarto Governos já gritava que não tinha dinheiro. Seguiram-se os chamados Governos Democráticos, com infiltração nas Instituições do Estado, de células virais, bancarrotas, corrupção, roubos e assassinatos que Soares perdoou para que a extrema Esquerda não divulgasse tudo quanto sabia sobre as suas ações. A procissão continuou com greves que só têm prejudicado os trabalhadores.

O Estado miserável a que Portugal chegou só tem paralelo com a Primeira República, 1910-1926, a que a Ditadura Militar pôs termo.

É Infame, vergonhoso, repugnante, o que está a acontecer aos portugueses. Mais de dois milhões e quinhentos mil sobrevivem com pouco mais do que um Euro por dia.

Os dois Partidos, PS e PSD têm pois uma tarefa difícil mas não impossível. Só que têm de remar juntos.

É fundamental que o ordenado mínimo suba para 800 Euros, tendo o Governo, que vier a sair das Próximas Eleições Legislativas, de garantir às Empresas o diferencial que estas terão de pagar depois destes 705 Euros que pouco beneficiam quem trabalha.

O Governo além de receber o retorno por fazer mexer a economia tem agora o apoio da União Europeia.

Emmanuel Macron, Presidente da França, ao tomar posse, desde 1 de Janeiro deste ano, como  Presidente da União Europeia, garantiu que vai elevar o salário mínimo de todos os países da União Europeia.

O próximo Governo só tem que utilizar todas as suas capacidades argumentativas e assim Portugal receber as quantias necessárias para atingir rapidamente um salário próximo dos mil euros, o que também é vantajoso para todos os 27 membros da União Europeia, onde os portugueses gozam dos mesmos direitos do que os restantes cidadãos e onde podem entrar e sair sem quaisquer problemas, o que acontecerá certamente, caso a diferença salarial seja compensadora para os portugueses trocarem Portugal por um dos outros países, onde a saudade e o frio, se suportam melhor do que viver sempre de mão estendida.

 

É fundamental colocar a máscara. O Covid tanto visita um miserável, como um cheio de dinheiro, em offshores, mas sem cuidados.

Anterior “Bem-vindo 2022”

C.S

publicado por regalias às 09:07
link | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 1 de Janeiro de 2022

Bem-vindo 2022

Bem-vindo

2022.

Desperta

Sê o alerta

Para o Costa,

O Simões,

O Sousa

E o Rio.

Desperta.

Não te deixes enganar.

Desperta

Os Portugueses

Que estão presos

Por um fio;

Pela insensatez

Que levou ao desvario,

À ambição

Exagerada,

À corrupção

Que deixou povo

E Portugal

Sem nada.

Desperta

2022!

Eles louvam-se

Uns aos outros.

Para esconder

O Compadrio,

O desvario,

Os desvios.

Os roubos.

Fazem festas.

Repetem-se,

Elogiam-se

Continuamente.

Querem

Enganar toda a gente

Que os sustenta.

Louvam-se

Uns aos outros.

Parecem garotos,

Indiferentes

Ao futuro.

Brincam com o fogo.

Não há auditorias

À Democracia

Do pai rico,

Que deixou o povo pobre

E todos os dias sofre

A pandemia

De corruptos virais.

Sempre à espera

Da catástrofe

Escondida

Em enganos,

Em palavras,

Em actos,

Por culpa

De cantores

E da Comunicação

Que mama

Na mesma treta

Sem pensar

No seu trambolhão.

Alerta 2022!

Coloque a máscara. Temos um ano para recuperar Portugal.

Anterior "Chinês, verbo querer"

C.S

publicado por regalias às 08:28
link | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2023

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13


24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Portugal, País de marinhe...

. Acredito na inteligência ...

. Todos mandam, ninguém se ...

. “Liga” perde combate na c...

. Em 146 a.C destruíram Car...

. O fim da guerra com estro...

. Estupidez criminosa alime...

. Tanto quis ser pobre, que...

. Português -Russo, 145

. Português -Russo. 144

.arquivos

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub