Sexta-feira, 12 de Agosto de 2022

Salazar, o único, ou dos poucos, que entendeu o povo

Perante o destrambelhado 25 de Abril, não a Revolução que foi autorizada pelo Primeiro-Ministro, Marcello Caetano, caso contrário tinha-lhe sucedido o mesmo que ao Golpe das Caldas, em 16 de Março de 1974. Marcello Caetano chamou o General Spínola e disse-lhe que nova investida dos seus colegas lhe entregaria o Governo a ele, tal como aconteceu.

O título supracitado levou a que voltasse a estudar o que tinha levado o povo a votar em 2007 “Salazar como o maior Português de sempre”.

Isto depois de uma campanha acirrada, cretina e continuada contra Oliveira Salazar, chamando-lhe Ditador e fascista”.

Desde há mais de dois mil e duzentos anos o General Romano Galba tinha reportado para Roma que aquele povo, situado na Ibéria, não se Governava nem deixava Governar.

Nós temos orgulho nos Lusitanos, conhecemos-lhes a valentia e a insensatez.

Salazar com o seu ar calmo e ponderado, tendo saído do povo conhecia-lhe os defeitos e as qualidades.

Ao entrar para Ministro das Finanças em 1928, a primeira coisa que faz é pôr as contas em dia para ter crédito e poder satisfazer, de imediato, as despesas de Estado porque o povo vivia na miséria e morria de fome.

A Ditadura Militar, depois de ter derrubado a Primeira República em 1926, até ao momento em que ele entrou para o Governo em 1928, não tinha conseguido melhorar a situação das dezenas de milhares de pobres que existiam no País.

Pediu que acreditassem nele, na sua honestidade e o deixassem trabalhar em paz.

Entre 1928 e 1932, o seu trabalho foi tão eficiente que em 1932, a Ditadura Militar, lhe pediu para aceitar o Governo e para Governar o País.

Em 1933 faz sair a Constituição de cariz Corporativo, também conhecida como Democracia Orgânica, de modo a unir patrões e trabalhadores.

Tudo aconteceu naturalmente.

O Estado saiu da miséria em que se encontrava e, quando morreu, os cofres estavam cheios e o escudo era uma das moedas mais fortes do mundo.

Os opositores acusavam-no de Ditador por ter dito que o Estado tinha de ser forte para não ser violento.

Foi o que aconteceu.

Comparem o Estado Novo, com todas as Democracias do mundo, tal como eu, calmamente, tenho vindo a fazer e verificarão que não há uma só que seja comparável ao Estado Novo.

Como dizia o meu saudoso amigo Manuel da Silva Guimarães: “os gajos corruptos e de pança cheia, não se importam que o povo morra à fome. O seu egoísmo é infinito.”

Entre 19 de Julho e 6 de Agosto publiquei 8 Blogues com o título: “Salazar e a recuperação de Portugal” para dar uma leve ideia do Governo de Salazar, durante o Estado Novo”

 

Coloque a máscara enquanto o vírus não deixar a praia. Com a Hepatite desconhecida e com o Vírus dos Macacos siga as indicações do Ministério da Saúde”

Anterior “ Ideias ultra-conservadoras podem salvar o Planeta”

C.S

publicado por regalias às 08:08
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



26
27
28
29
30


.posts recentes

. No Corno de África mamou ...

. Português - Russo 107

. Os irracionais das guerra...

. Português - Russo, 106

. Guiné Equatorial aboliu a...

. Valor acrescentado nas Un...

. Português - Russo, 105

. Ministro da Educação não ...

. Português - Russo, 104

. A guerra dos irracionais ...

.arquivos

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub