Terça-feira, 20 de Dezembro de 2011

Pescas, professores, baleias e tubarões

Agarram-se como lapas, à Comunicação Social subserviente e dependente, os estrangeirados que vivendo sempre de oportunismos alaparam à conta da Argélia, da França, da Alemanha e da Inglaterra, quando Salazar lançou o grito, de todos ao trabalho. Eles optaram pela parasitagem e pelo engodo.

Foram daqui bufando cigarrilhas, voltaram fumando bons havanos. Eis alguns dos títeres que desgovernaram este País e que hoje tentam através de jornais, rádios e televisões manipular o povo menos culto.

Não contentes com a calamidade e com o estado comatoso em que deixaram o terreno das caçadas voltam de novo ao ataque para segurar as chorudas mesadas e os serviçais que os aquecem a troco de palmadas nas costas, cínicos sorrisos, 200 euros e demagogia, muita demagogia e insensibilidade.

Nos piores momentos do alegrismo, não do Dr. Oliveira Salazar, este Alegre sem vergonha e sem memória fechou o jornal centenário "O Século", colocou centenas de trabalhadores na rua e os familiares na miséria.

É isto, que este e outros alegres pretendem. Ter sempre gente submissa e serviçal em terras de Portugal.

A infâmia é tão grande e tão monstruosa que no Parlamento Europeu, duas baleias horríveis de fealdade e maldade, mais um transgénico que destrói culturas de milho e outros gajos semelhantes votaram contra o acordo de pescas entre a União Europeia e Marrocos sacrificando milhares de famílias portuguesas, marroquinas e do Saara ocidental, com a fingida protecção aos do Saara.

Verdadeiros vígaros, que recebem milhares de euros por mês para defender o povo e os seus países, fazem precisamente o contrário para segurar os lugares e as panças.

Só para o povo saber o peso destes barriguistas não andarei longe da verdade ao dizer-lhes que os seis que votaram irresponsavelmente contra o acordo de pescas mais o alegre, comem tanto por mês como dez mil famílias. Como diria o socialista e despesista Guterres, é só fazer as contas.

Façam pois as contas a estes socialistas comunistas, chupistas e barriguistas, juntem-lhes os Sampaios, os Soares e outros iguais, e saberão que eles não querem nem nunca quiseram o bem do povo português, se o quisessem não tentavam impedir que professores e pescadores trabalhassem nesta aldeia global onde vivemos.

As baleias e os tubarões que esguicham no Parlamento Europeu são semelhantes a outras mulheres horríveis e escalavradas que bufam de indignação pela coragem do Primeiro-Ministro ao preferir os Portugueses vivos e prósperos num país estrangeiro do que deixá-los morrer à míngua em Portugal.

C.S

publicado por regalias às 06:48
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Centenário da maldição so...

. Gestão, desperdício e sof...

. Aeroportos sem aviões

. Venezuela e os benemérito...

. Nova vida em novo mundo

. Solidariedade ainda pode ...

. Passados dois mil anos, P...

. Aproveite o confinamento ...

. Emergência nas infraestru...

. Gato escaldado natalício ...

.arquivos

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub