Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2020

A coragem da Cristina

O mal deste País é a inveja. A Cristina não pode ceder a esta maleita, porquê? Porque a inveja é destrutiva se o visado, neste caso a visada, lhe der importância e não reenviar imediatamente um contra-veneno, também em pensamento. Por exemplo: desejar aos invejosos o dobro dos piropos que lhe enviam.

A inveja é tremendamente deletéria. Todos estamos ligados desde a Criação inicial. Por esse motivo sabemos os pensamentos uns dos outros, aquilo que acontece ou pode acontecer. As forças que provocam os chamados milagres não são despoletadas por nenhum Deus, mas sim pelos seres humanos.

A Cristina é amorosa e está cheia de energia, mas a inveja é como a ferrugem.

Dou-lhe um exemplo: uma das mulheres mais inteligentes que me atraíam pelas suas capacidades foi a Margarida Marante. Ela desaparece em plena juventude por causa da inveja e da intriga. Não conseguiu resistir aos ataques porque os recebia. Devia tê-los ignorado.

Só uma vez vi a Cristina. Gostei da naturalidade e da beleza que respira. De vez em quando oiço falar da Cristina e do programa, mas sem ligar ao assunto; num dia em que ouvia o programa da Inês Meneses, “Fala com Ela” e apareceu uma jovem que falou na Cristina com admiração, senti que as palavras eram sinceras. Perguntei a várias amigas se viam o programa da Cristina e o que pensavam. Não houve uma que não a elogiasse.

Agora só oiço falar na Cristina no “Portugalex”. Passo o tempo a imaginar um livro para as pessoas aprenderem o Chinês básico em três meses. Nâo tenho muito tempo livre

No Portugalex é brincadeira; é uma maneira de fazer a sua própria publicidade, que tem alguns espinhos, mas resulta no sucesso televisivo. Eu prefiro que o “Portugalex” tenha as suas vítimas fixas “O Prof. Cavaco Silva, o Jorge Jesus, o Marcelo, o Mário Centeno”. Fico bem disposto e volto ao chinês.

Mas eles têm de variar. Ao escolherem a Cristina têm bom gosto. Só que lhes foge a língua para a patetice.

O título do livro é muito forte, isso revela que está a ficar desesperada. Não fique. Faça os seus programas com a mesma energia de sempre. Mude de canais quando lhe apetecer, mas não mude o seu espírito e a sua criatividade.

Não esqueça de colocar a máscara, mesmo sabendo que a beleza do seu rosto fica no pensamento de todos os homens.

 

Anterior “A Restauração de 1640”

C.S

publicado por regalias às 10:49
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. A Liberdade é um produto ...

. Tino de Rans vai continua...

. Contra Covid, contra Dívi...

. Fazer às batatas o que o ...

. Supramacia negra nos EUA

. Confinado mais em Berlim ...

. Marcelo agora compreendeu...

. Ventura. Publicidade peri...

. Os sinos tocam a finados ...

. Quem são os culpados. Gov...

.arquivos

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds