Segunda-feira, 25 de Maio de 2015

Adriano Moreira dá lição admirável no jornail i

Com a naturalidade do Homem de pensamento e ação, Adriano Moreira em entrevista ao Jornal i, de sábado 23 de Maio, e em três páginas, responde às perguntas de Luís Claro e Rita Tavares com a sabedoria e o trabalho de quem passou uma vida inteira a compreender a própria vida e a saber todos os segredos, antes descobertos, e que hoje a Europa e o mundo teimam em não aplicar. Isso leva que haja sempre muita gente a sofrer escusadamente. A “escala de valores” foi subvertida.

Respigo apontamentos:

A norma não foi respeitada e “No resgate não gostei de ver ministros portugueses discutirem com empregados de organizações. O poder da palavra pode vencer a palavra do poder…a representação política tem de discutir em pé de igualdade, mas nos centros de decisão.”

“ A Europa cometeu três erros:

Procedeu ao alargamento sem nenhum estudo de governabilidade.

Definiu uma segurança e defesa autónoma em relação à NATO, mas não conheço nenhum estudo sobre fronteiras amigas.

Um das grandes dificuldades do projeto europeu é não ter um consenso estratégico.”

“Portugal precisa de uma janela de liberdade…O grande problema é a plataforma continental…mas que precisa de ser reconhecida pela Nações Unidas. Nenhum destes problemas está no programa de qualquer partido.

A reforma do Estado tem de começar pelos partidos.”

“ A Europa substituiu o credo dos valores pelo credo do mercado”

“A formação da União Europeia teve estadistas espantosos e hoje não tem estadistas dessa dimensão.”

Esta entrevista pode levar, todos aqueles que se dedicam à política ou aqueles que a pretendem compreender, que agora vem aí o tempo de eleições, de conversa, de comícios, uns mais inflamados que outros, uns usando da matreirice e vendendo roupa velha como artigo de luxo, a pensar no dizem e o que cumprem.

Todos tentarão vender a sua sardinha nas Legislativas e nas presidenciais.

Sugiro que tentem ouvir o máximo dos aprendizes de políticos, das velhas raposas e de todos os que gostam de entrar na fogueira.

Depois, calmamente disseca o que disseram os partidos originais que lhes deram origem. Das ideias, que para vingarem tiveram de enroupar, enganar, matar ou de outros, onde o dinheiro a rodos foi substituindo os roubos.

Estudem tudo em pormenor. Só assim poderão compreender a política e para que serve quando é mal ou bem aplicada.

A entrevista do Professor Adriano Moreira pode ser um bom ponto de partida e uma base para todos aqueles, que um dia, queiram seguir uma carreira política honesta, inteligente e ponderada.

C.S

publicado por regalias às 05:14
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. O ser humano comete erros...

. Não deixem morrer a exper...

. Direita e Esquerda domina...

. Aproveitem a ocasião: ins...

. Portugal, políticos, poli...

. Portugal nas mãos de Cost...

. Cavaco e os pindéricos co...

. Legislativas foram uma de...

. Diarreia mental de batráq...

. Votação, Câmaras, competê...

.arquivos

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds