Domingo, 10 de Outubro de 2021

Aníbal Cavaco Silva e a pobreza

Cavaco Silva acusa António Costa de não ter aproveitado a boa situação do País depois do Governo PSD - CDS (A seguir a ter engolido Seguro e depois do golpe de magia, mais tarde, apelidado de geringonça), tal como não soube aproveitar os dinheiros de Bruxelas e do Banco Central Europeu; conclui que, com este Orçamento, o País vai ainda empobrecer mais.

Na verdade, Costa, querendo agradar a Gregos e Troianos, acaba por quase enterrar os pobres, que se veem gregos para sobreviver.

Pode dizer-se que os Governos de Cavaco Silva foram os que melhor souberam navegar nas águas agitadas desta pandemia que dura há 47 anos.

O País progrediu, houve uma melhoria efetiva. Mas Cavaco Silva nunca foi o bem-amado, principalmente por um excesso linguístico, mal explicado.

Cavaco Silva ao incitar o povo ao trabalho e ao verificar que muita gente ganhava mal, ao querer sugerir como poderiam melhorar a vida, e para justificar como lamentava a situação, deu o seu próprio exemplo que ganhando aparentemente bem, dez mil euros por mês, mais coisa, menos coisa, por vezes sentia dificuldades.

Muita gente não percebeu que a sua intenção era incentivar as pessoas a ter melhores empregos e a estudar para tirarem melhor rendimento das suas capacidades.

Penso, não tenho a certeza, mas Cavaco Silva frequentou as fabulosas  escolas Comerciais e Industriais, que davam acesso direto ao mercado de trabalho e que a imbecilidade de alguns Governantes acabou com elas porque, diziam, estavam destinadas aos mais pobres, o que era totalmente mentira.

Os países mais avançados da Europa, têm este tipo de escolas, para os alunos que preferem a prática ao excesso de teoria e as frequentem, podendo depois ingressar nas Universidades, caso pretendam.

Os Politécnicos apareceram depois para as substituir. Mas ainda não conseguiram atingir o nível desejado.

Einstein, o maior cientista do século XX, frequentou uma dessas escolas.

Voltemos a Cavaco e aos dez mil euros. Claro que ele não queria ofender ninguém, queria incentivar o esforço e a qualidade para se atingirem bons ordenados, porque ele com os dez mil euros tinha de gerir bem o dinheiro. As suas funções como Chefe de Estado, obrigavam-no a fazer despesas muito grandes para honrar o cargo e por essa razão tinha de orientar bem o que recebia para não enfrentar dificuldades.

Os demagogos de Esquerda aproveitaram a ocasião para inflamar os menos atentos às palavras de um Governante que fez uns mandatos com equilíbrio e os únicos que até agora merecem nota positiva.

Esperemos que Cavaco Silva se engane quanto às promessas do António Costa e este seja Homem para que os Reformados recebam, pelo menos 500 Euros por mês.

Coloque a máscara. Reivindique, quando tiver de reivindicar, mas não prejudique quem quer e precisa de trabalhar.

 

Anterior “Queremos ouvir sempre o que nos agrada”

C.S

publicado por regalias às 08:04
link | comentar | favorito
1 comentário:
De Skazi a 10 de Outubro de 2021 às 13:14
Muito bom o blogue de hoje. O Cavaco Silva tem toda a razão. Houveram grandes sacrifícios nos governos do Passos Coelho que logo a seguir com a Geringonça foram logo uns mãos largas. Agora com o Costa a governar sozinho já não está a cumprir com o que promete. Este último Orçamento de Estado vai empobrecer as pessoas.
É para esquecer o aumento para 500 euros os reformados. Isso não vai lá chegar. Aumento de 10 euros o que é isso com os aumentos que tem havido e vão haver para o ano?
Costa prometeu com ele no Governo que o ordenado mínimo chegaria aos 750 euros, também não me parece. Acreditava que chegasse lá se aumentassem em para 705 euros. Mas isso só para os da função pública.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Os portugueses e o que in...

. A fome e o frio metem a l...

. Ingovernável, Anarca e se...

. Depois das Eleições, o tr...

. O que nos interessa saber...

. A infâmia humana é superi...

. O bem público

. Dois galos na mesma capoe...

. Os mares estão doentes e ...

. "Visita Guiada" - CUF - A...

.arquivos

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub