Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

As tentações dos santos padres e o Vaticano

O Papa Francisco vê a casa de Deus desmoronar-se mas, como todos o que o antecederam, acredita que é possível salvá-la.

Os que não acreditaram, pouco tempo se aguentaram no trono do Senhor.

Fortes, determinados, inteligentes, os Papas tanto se distinguiram pelo muito bom, como pelo excessivamente mau.

Quase todos foram cimentando o Império Papal ao colocarem padres em todas as regiões do mundo. Ao princípio sem escola, depois com muita escola foram os divulgadores da fé em Cristo; do amor pelos pobres e de parábolas que eram facilmente assimiláveis por qualquer analfabeto.

O despertar da inquietação dá-se com Alexandre VI, Rodrigo Bórgia, que além de libertino, cometeu vários atos indignos e que podem ser compulsados em livros, Internet e revistas.

Ao proteger os judeus, expulsos de Espanha em 1492, e alguns de Portugal que aproveitaram a abertura, Alexandre Bórgia, ganhou conselheiros de grande gabarito e muita astucia.

Nos menores pecados estão os 7 filhos que gerou em diferentes mulheres.

Digo menores pecados porque a Igreja verificou, teve a certeza, que todos os homens, incluindo os santos Papas e os santos padres não conseguem ficar imunes às tentações da carne.

Pouco depois, entre 1495 e 1500, o holandês Jerónimo Bosch, pintou as "Tentações de Santo Antão", como advertência à Igreja. Ela manteve-se igual. A sua força e o seu poder ditatorial não diminuíram.

O Tríptico das Tentações vale uma fortuna imensa que o rei D. Manuel II reclamou para si.

Em 1937, o Presidente do Conselho, Oliveira Salazar, chamou o Diretor do Museu das Janelas Verde, José de Figueiredo, que demonstrou ao ex-Rei e a sua mãe D. Amélia que o quadro era propriedade do Estado Português.

Feito este esclarecimento, espero que aprecie a pintura. É uma tentação.

Voltando ao tema, todos entendem onde quero chegar. Os santos padres têm de ter permissão para casar. De outra maneira ninguém vive descansado. Os homens têm de meter o cacete em qualquer lado. As grandes vítimas serão sempre os mais jovens. Mas os outros e as outras também não escapam.

E não lembro aqui o padre Francisco Costa, de Trancoso, com quase duas centenas de filhos que foi condenado à morte por se aproveitar de mulheres de todas as condições. D. João II salvou-o do garrote. O reino tinha falta de gente.

Papa Francisco, os tempos mudaram, a Igreja não é estática. Se a quiser salvar, reúna o Concílio, deixe casar os padres e os bispos. Se conseguir encontrar, neste palheiro mundano, um santo sem tentações, indique-o como próximo Papa.

 

Anterior “EUA lideram o crime. Judeus têm as costas quentes”

C.S

publicado por regalias às 05:12
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14

20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Paleio, só paleio, nada m...

. Touradas à portuguesa e t...

. Portugueses no Mundo, ama...

. Dois milhões e seiscentos...

. Portugal, país de atrasad...

. LGBT nas escolas e prosti...

. Lésbicas e lésbicos têm d...

. Sociais-fascistas do BE e...

. Exércitos perdidos no tem...

. Auditem-se Forças Armadas...

.arquivos

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds