Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

Coscuvilhice, inveja e intriga são doenças de impuros

Tinha uma amiga italiana com quem vivi um sonho. Fugiu de Roma e veio morar em Portugal. Dizia-me que a inveja era uma doença tão grave e contagiante, que a pessoa intriguista e invejosa espalhava a doença através da pele do rosto..

Os monstros que tudo têm feito para destruir Portugal, invejando, intrigando e fazendo greves, encontraram mais um meio para minar a estabilidade governamental ao enfraquecer o Presidente da República, através da namorada e da coscuvilhice publicitada nos jornais e revistas.

Marcelo Rebelo de Sousa tem representado Portugal como nunca nenhum governante o conseguiu.

A sua vasta cultura, a sua urbanidade e o seu à vontade com todos os estratos sociais em Portugal e nos países já visitados tem sido a causa da estabilidade de um Governo que nasceu de uma cambalhota.

Marcelo depois de ter pesado bem o golpe resolveu fazer como os lutadores de judo: deixou-se ir; e, conversa aqui, conversa ali com o Costa, o País, apesar de mal, melhorou bastante.

Não sabendo como derrubar o Costa, resolveram roer-lhe o encosto. Encontraram na namorada do Presidente o ponto fraco. É infame.

António Champalimaud pediu-me para lhe fazer um estudo para saber das possibilidades de se candidatar a Presidente da República.

Depois ter sondado todo o país, de maneira discreta, disse-lhe que não tinha quaisquer possibilidades de ganhar.

“Mas eu tenho três milhões de contos para a campanha”, disse-me o voluntarioso industrial.

Respondi-lhe: nem com trinta milhões. Os jornais incendeiam as multidões e a Revolução ainda está no tempo dos loucos.

Escrevi no livro “Portugal um País ingovernável?” este episódio com António Champalimaud.

António Champalimaud estava gratíssimo ao Banco Espírito Santo. Com o dinheiro emprestado sob palavra. Tinha refeito toda a sua fortuna.

De bancos não percebo nada, mas gosto de estudar o ser humano. Quando comecei a ler sobre as lutas, as invejas e as intrigas sobre o banco, senti que o estoiro estava iminente. Lembrei-me da minha querida e fabulosa amiga, tão inteligente como bonita.

A namorada do Presidente é amiga dos Espírito Santo. A inveja, a coscuvilice e a cretinice vão esforçar-se por derrotar o Costa, amarrotando o ar desempoeirado e inteligente de Marcelo.

A estupidez e a ganância política servem-se de todos os meios para chegar ao Governo e à manjedoura.

Portugal nunca desceu tão baixo.

 

Anterior “Portugal é um país de anarcas sem freio na língua”

C.S

publicado por regalias às 06:16
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


26
27
28
29

30


.posts recentes

. Ciganos são os únicos ser...

. As imoderadas exigências ...

. A saúde mental dos portug...

. Greve teatral no país das...

. É possível refazer a vida...

. Portugal adoeceu em 1974 ...

. Mais uma vez os EUA a cam...

. Liberdade para sacrificar...

. Escreva um livro para a p...

. Português, Inglês e Infor...

.arquivos

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds