Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2022

Educação da Juventude I

A liberdade total, desde os 2 anos até aos 18 é um erro que tem de ser modificado. As vítimas são as crianças e os jovens.

Até aos 18 anos a obediência aos pais e aos professores é fundamental.  

Eu falo por experiência própria. Só um, soube travar a minha rebeldia, o professor José Manuel Landeiro, a quem eu fiquei sempre grato por me fazer compreender que eu não podia utilizar algumas liberdades.

O Zé Manel, como a miudagem lhe chamava, sempre que ele não estava presente, pregou-me um par de reguadas, bem puxadas, quando me apanhou, no segundo ou terceiro dia de aulas, a correr sobre as carteiras da escola. Entre a primeira e quarta classe fui sempre um bom aluno. Tinha compreendido a mensagem.

Os pais, depois da quarta classe, pensando fazer bem, enviaram-me para o Colégio São José em Mangualde Foi um erro.

Voltei à liberdade sem regras, mais saborosa, mas não mais feliz.

Eu precisava de ser metido na ordem. Para mim, eu era um desastre, meus pais continuavam a fazer-me todas as vontades.

Quando o meu saudoso amigo José Cabaço Neves me convidou para ir a um curso de Verão da Mocidade Portuguesa aceitei por pensar que me iam meter na ordem. O curso era tudo, menos do que disciplina militar. Havia jovens de todas as Províncias Ultramarinas e uma sã camaradagem.

Havia regras que todos cumpriam.

A Mocidade Portuguesa foi uma Instituição completa para unir os jovens de todas as classes sociais.

Desde a Vela, ao Hipismo, nunca mais houve uma Instituição, que abrangesse todos os desportos e a parte cultural como a Mocidade Portuguesa.

Esta estadia na rua Almeida Brandão em Lisboa e nos acampamentos que havia pelos arredores, teve uma parte ratona, que, 26 anos depois, como Deputado na Assembleia da República havia de encavacar os meus saudosos amigos Carlos Candal e Lucas Pires.

Carlos Candal, boa pessoa, atacava, com graça , Lucas Pires. Eu insistia com o Francisco Lucas Pires para lhe responder à letra,

O Francisco, Homem muito inteligente, era incapaz de dizer qualquer frase que pudesse ofender.

Neste momento, Carlos Candal, disse: o Sr Deputado Francisco Lucas Pires andava na Mocidade Portuguesa...

Eu lembrei-me que, no primeiro curso, havia um Candal. Não tinha a certeza se era ele. Pedi a palavra e o Carlos Candal, perguntou, com aquele vozeirão de homem bem disposto:

Senhor Deputado C.S, isto é uma disputa entre mim e o seu colega, mas faça favor.

Eu vesti o meu ar de santo serôdio e perguntei-lhe:

Sr. Deputado Carlos Candal, Vossa Excelência não frequentou, na mesma altura que eu, o 37 curso da Mocidade Portuguesa, aqui na rua Almeida Brandão?

O Carlos pôs-se de todas as cores, sentou-se. Tinha terminado o prélio com o Francisco, que ficou tão admirado como o Carlos Candal.

O Carlos Candal quando me encontrou nos "Passos Perdidos," disse-me, a meia voz, um pequeno palavrão, mas ficámos sempre amigos. Encontrei-o várias vezes na praia do Furadouro-Ovar.

Por hoje ficamos por aqui. Mas vou continuar a Educação da Juventude, se a guerra dos irracionais não se estender pela Europa dentro e destruir tudo à sua volta.

 

Coloque a máscara. Evite os vírus. Ainda ontem soube que tinha morrido uma querida amiga que já não via há 53 ou 54 anos, Linda de Suza, por causa do Covid e das vacinas que o deviam combater.

Linda de Suza era uma mulher triste, que espalhava o amor e a felicidade para toda a gente ser feliz. Tinha um coração de oiro e uma voz de diamante.

Nota extra: acabei de ouvir na “Antena1” que o Ministro das Infraestruturas se tinha demitido (é uma e trinta da matina de quinta-feira). Como não consigo dormir, umas vezes por causa da Guerra dos irracionais e outra vez pelas preocupações das trapalhadas deste Governo, resolvi antecipar a escrita deste blogue. A seguir vou pensar, em vez de sonhar.

Temos de acreditar que todos juntos e com trabalho voltaremos a recuperar Portugal.

Salazar, com muitos mais problemas, conseguiu. Nós também conseguiremos.

Anterior “Entre guerra e Paz, os irracionais escolhem a Guerra”

C.S     

publicado por regalias às 01:50
link | comentar | favorito (1)

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2023

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13


24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Portugal, País de marinhe...

. Acredito na inteligência ...

. Todos mandam, ninguém se ...

. “Liga” perde combate na c...

. Em 146 a.C destruíram Car...

. O fim da guerra com estro...

. Estupidez criminosa alime...

. Tanto quis ser pobre, que...

. Português -Russo, 145

. Português -Russo. 144

.arquivos

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub