Terça-feira, 2 de Julho de 2019

Festa dos Tabuleiros a 7 de julho em Tomar

Entre o dia 4, quinta-feira, e 8 de Julho, segunda-feira, vai desenrolar-se a Festas dos Tabuleiros, atingindo o seu máximo de esplendor e beleza com a Procissão das Coroas, Pendões do Espírito Santo e Grande Cortejo dos Tabuleiros, durante todo o Domingo, 7 de Julho de 2019.

Quem durante anos assistiu ao Grande Cortejo é sempre com muita emoção que recorda esse momento.

No último a que assisti estava com o Manuel Guimarães, ele professor na Escola Industrial e eu no Liceu que nos tínhamos encontrado na encantadora cidade Nabantina, depois de muitos anos afastados da bela camaradagem da República Baco-Vénus.

Estávamos entre o jardim e a ponte sobre o rio que liga o Mouchão à estrada. Eu estava muito atento aos gestos de Nini Ferreira que impunham à organização um efeito deslumbrante e incomparável.

O Manuel toca-me no braço e faz sinal para olhar para a minha esquerda.

Depois de quatro turistas alemães estava um casal bastante pobre, mas trabalhador. Todos os dias, o homem, franzino, desengonçado e meio patareco percorria, de carroça e burrico do mesmo tipo que o dono, alguns restaurantes da cidade que lhe despejavam, num bidão de folha, os restos de comida que sobravam dos almoços e jantares.

A comida servia para alimentar três porcos e garantir o sustento do casal.

O homem, já dentro do espaço do cortejo olhava extasiado por uma belíssima rapariga, corpo elegante, rosto imaculado, sem pinturas, seios rijos, apetitosos, que, com o cesto de 30 pães à cabeça, mais parecia uma deusa descida dos céus para alimentar e enlouquecer os homens.

A mulher olhava para ele com cara de poucos amigos. De repente, quando o cortejo parou, faz-se um curto silêncio, ele avança um passo e ouve-se perfeitamente o hipnotizado gritar “Vale mais dividir um pudim com os amigos do que comer um monte de merda todos os dias”.

A mulher desatou à pancada no perdido de amor e a chamar-lhe desgraçado.

O Nini deu ordens para o Cortejo não avançar. Durante largos minutos o feliz enamorado apanhou tantas e teria apanhado muitas mais, se o Nini não tivesse pedido ajuda aos rapazes que amparam o cesto das raparigas para segurarem a mulher.

O Nini olhou para o Manuel e para mim que riamos como loucos, e disse: logo vi, com vocês os dois por perto, tinha de acontecer alguma surpresa.

Desta vez fomos totalmente inocentes, mas a Festa desse ano teve tal sabor, que eu e o Manel a celebrávamos todos os anos à espera dos próximos quatro, altura em que ela renasce.

 

Anterior “Médicos e enfermeiros com pinças e insaciáveis”

C.S

publicado por regalias às 03:34
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. No País dos loucos salvem...

. Profissionalismo, a admir...

. O ser humano comete erros...

. Não deixem morrer a exper...

. Direita e Esquerda domina...

. Aproveitem a ocasião: ins...

. Portugal, políticos, poli...

. Portugal nas mãos de Cost...

. Cavaco e os pindéricos co...

. Legislativas foram uma de...

.arquivos

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds