Domingo, 28 de Abril de 2019

Liberdade sem regras não é liberdade é caos

Estou convencido que 96 ou 97 por cento dos portugueses já compreenderam que liberdade sem regras não é liberdade. O número de eleitores tem vindo a diminuir todas as vezes que são chamados ao voto.

Outra consequência desta Democracia de liberdades desmioladas é que os votantes vão escolhendo os Partidos que lhes garantam autoridade e segurança.

Sugiro que passem os olhos pelos outros países e verificarão que a Esquerda de todas as liberdades ou muda de tática para cativar as pessoas ou só passa a cativar a vadiagem e todos aqueles que pensam que o quanto pior é melhor porque assim têm sempre a oportunidade de encontrar maneira de viverem à custa da barba-longa.

O Socialismo, quanto a mim, que só uma vez votei no Partido Socialista, acho que sem demagogia, com autoridade natural de quem Governa e com a liberdade própria do ser humano, estou de acordo com qualquer um.

Dizendo ainda de maneira mais simples. Qualquer Partido me serve desde que tenha uma estratégia e regras para Governar o País.

Prolongar a bandalheira dos últimos 45 anos é que não pode continuar.

O Centeno e o Costa têm dado sinais. Mais o Centeno que o Costa. Este hesita, torce; em vez de parar para pensar e só depois responder, diz o que lhe vem à cabeça.

O Partido Socialista da Suíça é um exemplo. Não é necessário inventar nada. Está lá tudo inventado, basta acertar o melhor método para cada povo e para cada país.

É certo que os portugueses têm um feitio desgraçado. Mas a bem dão a camisa.

Salazar fez deles o que quis. Aquilo que uns patetas chamaram de Ditadura foi a aplicação da Democracia Orgânica no Estado Novo.

O sistema deu tanto resultado e com tanto agrado que foi eleito “O maior Português de sempre”.

Quando quase toda a Comunicação Social fez campanha contra o Homem. Ele foi o único vencedor. Porquê? Porque foi inteligente, sensato, amante do País e honestíssimo.

Os atos eleitorais aproximam-se e os Partidos têm de meditar bem se vale mais continuar com os eflúvios demagógicos do Bloco de Esquerda ou com a sensatez das promessas viáveis para bem de Portugal.

 

Anterior “Sociais-fascistas-comunistas e a luta de roubos e farelo”

C.S

publicado por regalias às 08:49
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9


21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Incompetência ou falta de...

. Isto não é um mundo de ge...

. Esplendor de Portugal atr...

. Catalunha é mais poderosa...

. No País dos loucos salvem...

. Profissionalismo, a admir...

. O ser humano comete erros...

. Não deixem morrer a exper...

. Direita e Esquerda domina...

. Aproveitem a ocasião: ins...

.arquivos

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds