Domingo, 19 de Dezembro de 2021

Novos e velhos contra a morte pandémica

A estranha luta de sete mil milhões de pessoas contra um vírus, sem peso e sem forma, leva o Microcosmos a pensar num Deus desconhecido com o mesmo tamanho e com poderes muito mais poderosos.

Tenho passado grande parte da vida à procura desse Deus, umas vezes acreditando, outras desconfiando.

Este Microcosmos, que é o ser humano, também me espantou. Devido à minha longevidade tenho tido tempo para verificar a ignorância do micro pensante perante a magnificência e a exuberância do Macrocosmos (o Universo).

A rápida subida do saber deixou-me preocupado. A Natureza não costuma dar saltos tão exagerados.

Os únicos que se destacaram com um pequeno salto foram os portugueses nos séculos quinze e dezasseis,

quando a humanidade deu o salto mais significativio com as descobertas portuguesas, as grandes navegações e a divulgação da ciência.

O Macrocosmos fez o que fez, mas demorou centenas de milhões de anos.

No entanto, o ser humano, desde os meados do último século até aos dias de hoje teve o arrojo de se igualar ao Deus desconhecido, de tal maneira que me influenciou a publicar, em 2003, o livrito “Somos deuses ligados a Deus”, com uma linguagem muito simples para se tornar acessível.

Este vírus só não dá comigo em doido porque todos os dias escrevo e leio, alem de fazer pequenos trabalhos braçais e de verificar porque me esqueço do nome das pessoas ou quando mudo o lugar às coisas e me vejo em palpos de aranha para as encontrar.

 

Coloque a máscara. Regule o tempo, escreva sobre o seu passado e o que existia. Faça comparações, distraia-se. Não se deixe abater nem apanhar por um vírus que está farto de aturar as parvalheiras do ser humano e o quer levar para lhe escovar o sarampo.

Anterior “Chinês, vocabulário”

C.S

publicado por regalias às 08:02
link | comentar | favorito
1 comentário:
De Olaré Sim Sim a 19 de Dezembro de 2021 às 17:58
Ora aqui está um texto pantagruélico.
Isso tudo refugado num tacho seria o delírio dos nossos (deles) esquerdalhos


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2023

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13


24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Portugal, País de marinhe...

. Acredito na inteligência ...

. Todos mandam, ninguém se ...

. “Liga” perde combate na c...

. Em 146 a.C destruíram Car...

. O fim da guerra com estro...

. Estupidez criminosa alime...

. Tanto quis ser pobre, que...

. Português -Russo, 145

. Português -Russo. 144

.arquivos

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub