Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2017

Portugal, mais fraco que Castela, vence pela coragem

O reino pertence por testamento e casamento a D. Beatriz, filha de D. Fernando. Mas quem vive em Portugal são portugueses de gema, poucos, mas de uma coragem e amor à terra difíceis de encontrar noutro local do mundo.

O rei de Castela conhecedor da inferioridade numérica, Portugal teria pouco mais de um milhão de habitantes, resolve atacar com um exército imbatível, 35 mil homens. Primeiro tenta convencer os chefes portugueses da desproporção e da carnificina escusada. Os portugueses eram 7 mil. Mesmo assim não cederam aos rogos, às ameaças e às armas poderosas.

Os Castelhanos convencidos que o massacre era certo entraram pelos campos de Aljubarrota como por terra conquistada.

Os portugueses, comandados por Nun’Álvares Pereira, distribuem-se em quadrado, cavam fossos, as covas-de lobo, e de lanças bem seguras esperam os atacantes.

A força Castelhana mais importante era a cavalaria que fica espetada nas lanças e chacinada pelos portugueses.

O desnorte é total, os mortos aos milhares e o rei de Castela observando o sucedido não fez mais que fugir com aqueles que puderam salvar a vida.

Os portugueses dão-se ao desplante de os perseguir e infligir nova derrota na batalha de Valverde, a poucos quilómetros de Mérida.

Em 1387, o Mestre de Avis casa com D. Filipa de Lencastre, tornando a Aliança-Inglesa mais consistente e tão forte que ainda hoje existe.

Os filhos do casal são todos excecionais. Camões chamou-lhes a Ínclita Geração (geração ilustre). Dos oito, chamo a atenção para quatro. Dois morreram muito jovens.

De todos, sobressai o Infante D. Henrique por ter dado início às descobertas que levaram os marinheiros portugueses a descobrir dois terços do mundo desconhecido.

Faço notar que muitas descobertas realizadas por Espanha tiveram nos comandantes dos seus barcos, portugueses. Tanto pelos laços familiares como pela diminuta população portuguesa, os reis de Portugal e Castela colaboravam sempre desde que não estivessem em guerra.

Pedro foi considerado o príncipe mais culto do seu tempo. D. Duarte foi rei, sucedeu ao pai, D. João I.

D. Isabel de Portugal casou com Filipe III, Duque da Borgonha, foi uma Diplomata de grande mérito e uma fabulosa Governante. O marido e o povo adoram-na. Em sua honra, o marido criou a Ordem do Tosão de Ouro.

Feita esta explicação e para não alargar mais este blogue termino dizendo que em 31 de Outubro de 1411 é assinado um Tratado de Paz e Aliança perpétua entre Portugal e os reinos de Castela.

 

Anterior “Trump é mais honesto do que os imbecis que o atacam”

C.S

 

publicado por regalias às 11:22
link do post | favorito (2)
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13

18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Antena1 contínua com um p...

. Terminou o circo. Costa, ...

. Celebremos a poesia, cele...

. Oliveira Salazar, o Ditad...

. Histórias de faca e algui...

. Vendedores de morte no me...

. Massacre com o futebol na...

. Cristas e Catarina na Ant...

. Costa e Jerónimo não brin...

. Salazar e a desfaçatez de...

.arquivos

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds