Sexta-feira, 7 de Dezembro de 2018

Sábado, Parque Mayer e os ditadores de enganos

Felizmente que há centenas de milhares de pessoas que viveram no tempo do Estado Novo e são testemunhas de como era a vida, a partir dos anos 50. O movimento, a alegria e o desenvolvimento de um País que tinha saído de uma Primeira República, 1910-1926,  onde as greves, as revoluções e a miséria mais escabrosa era o dia-a-dia.

Agora que um mentecapto qualquer vem ligar o Parque Mayer a um ditador, que nunca existiu senão nas mentes sórdidas de comunistas parasitas e ignorantes temos de incentivar todos os jovens para estudar a Época do Estado Novo e verificar que o Parque Mayer, onde estavam muitos teatros de revista, se enchia todos os dias. As piadas contra o Governo e contra Salazar eram diárias tal como fazem hoje com Costa ou Marcelo. Leia-se a injúria feita ao Presidente da República quando da visita do Presidente Chinês, Xi Jinping por um Deputado do PSD.

Os boçais de antigamente continuam nos dias de hoje, e por isso existem dois milhões de pobres que rastejam por todo o país.

Em 1974, antes da beatífica revolução, tanto o desemprego, como os pobres eram residuais, hoje verifiquem os números.

Mas o maquinista do filme vem afirmar que o Parque Mayer era um lugar de liberdade, fora daí era o Gulag, não se podia falar. Os cobardes, ontem como hoje, não falam, mas ninguém lhes tapa a boca.

A mentira tantas vezes repetida, só pelos ignorantes é ouvida, por isso este coiso não passa de um pedante inconsciente que gosta que o vejam.

O desinteresse pelos filmes, pelos jornais e pelas revistas em papel são fruto das mentiras que divulgam.

A Sábado anterior trazia um texto que bem aproveitado seria ótimo para relançar uma revista, mas quem o escreveu devia ser a mulher da limpeza. A obsessão da ignorante foi bolsar uma série de idiotices, a começar pela capa onde diz ”Salazar Gastou milhões a branquear o Regime”, em vez de dizer: Salazar gastou milhões para salvar o País. A partir daqui e aproveitando-se de uma investigação de Vasco Ribeiro, que é bastante útil para enquadrar como a vida se processava, a ignara escriba só diz asneiras. Coitada, aquela ou muda de profissão ou será mais uma frustrada.

O mal nem é da pobre, o mal é dos ditadores de enganos, da cambada que tentou transformar Portugal num covil de ladrões, de sequestradores, de Ditadores fardados de incendiários que os sucessivos Governos não conseguiram travar.

Há uma esperança: Marcelo, Costa e Centeno.

 

Anterior ”Os velhos e o esquecimento”

C.S

publicado por regalias às 07:10
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Portugal é um país de ana...

. EUA usam a força para tra...

. Radicais Livres ...de aud...

. Greves, egoísmo, ignorânc...

. Sábado, Parque Mayer e os...

. Os velhos e o esqueciment...

. Greves, Moody's e três em...

. Jornais e revistas afunda...

. Der Spiegel, a coscuvilhi...

. Estivadores não sejam bur...

.arquivos

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds